Última hora

Aprovado OGE para 2020

Aprovado OGE para 2020
Euronews logo
Tamanho do texto Aa Aa

Orçado em 31,3 mil milhões de euros, o Orçamento Geral de Estado para 2020 foi aprovado na generalidade pela Assembleia Nacional.

De acordo com a ministra das Finanças, o executivo Angolano optou por uma abordagem prudencial, estimando o preço do barril de petróleo em 50 euros como preço de referência.

O ministro de Estado e da coordenação económica, Manuel Nunes Júnior, por altura da votação na generalidade, fundamentou as medidas que foram tidas em conta pelo executivo para a elaboração do OGE 2020.

Manuel Nunes Júnior considera que as medidas tomadas pelo executivo muitas vezes não são aquelas que seriam de se esperar, para o bem-estar imediato das populações, mas considera ser uma fase necessária para que se possa adquirir, no futuro, maior capacidade competitiva, mais produtividade e uma capacidade de produção nacional maior.

Os partidos da oposição reprovaram as medidas manifestando o seu descontentamento com 46 votos contra da UNITA e 9 abstenções do PRS, FNLA e CASA-CE.

Pelo segundo ano consecutivo os gastos com a dívida pública vão atingir um novo máximo histórico, colocando mais de 55% do total do OGE para 2020. A Ministra das finanças, Vera Daves, justifica o referido aumento como sendo um dos reflexos da flexibilização da taxa de câmbio.

Vera Daves adiantou que se o atual stock da dívida for convertido para dólares ver-se-á refletidA a diminuição da dívida pública.

O Orçamento Geral do Estado para 2020 começa agora a ser discutido pela comissão de especialidade e vai a votação final global a 15 de dezembro.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.