Última hora

Gordon Sondland faz testemunho esmagador para Trump

Gordon Sondland faz testemunho esmagador para Trump
Tamanho do texto Aa Aa

Gordon Sondland, embaixador dos Estados Unidos para a União Europeia e figura central no processo de destituição de Donald Trump. Fez um testemunho público comprometedor para Trump: "Seguimos as ordens do Presidente" disse o diplomata, no Congresso.

"Como testemunhei anteriormente, os pedidos do Senhor Giuliani foram uma troca de favores, para organizar uma visita do presidente Zelensky à Casa Branca. O Sr. Giuliani exigiu que a Ucrânia fizesse uma declaração pública anunciando as investigações sobre as eleições de 2016 e sobre a empresa Burisma [empresa de Hunter Biden]. O Sr. Giuliani expressou os desejos do Presidente dos Estados Unidos e sabíamos que estas investigações eram importantes para o Presidente."
Gordon Sondland
Embaixador dos Estados Unidos para a União Europeia

Sondland trabalhou com o advogado pessoal de Donald Trump, Rudy Giuliani, nas questões ucranianas e confirma a participação ativa de Trump neste caso que ameça o seu mandato.

"Eu sei que os membros desta comissão enquadram frequentemente estas questões complicadas, na forma de uma simples pergunta: houve um quid pro quo? Como testemunhei anteriormente, em relação ao telefonema da Casa Branca e à reunião da Casa Branca, a resposta é: sim."
Gordon Sondland
embaixador dos Estados Unidos para a União Europeia

Donald Trump reagiu dizendo que "não conhece muito bem" o embaixador Gordon Sondland. Em causa está a alegada pressão de Trump à Ucrância, através de Volodymyr Zelensky. Trump terá pedido ao presidente ucraniano para investigar o potencial futuro candidato às eleições de 2020 Joe Biden e o seu filho - em troca de apoio militar ao país.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.