Última hora

Ericsson paga para resolver alegações de corrupção

Ericsson paga para resolver alegações de corrupção
Tamanho do texto Aa Aa

O gigante sueco das telecomunicações Ericsson aceitou pagar às autoridades norte-americanas cerca 900 milhões de euros a fim de resolver alegações de suborno em cinco países.

As informações foram avançadas pelo departamento de justiça norte-americano.

Segundo o comuniado, a companhia sueca teria admitido ter conduzido campanhas de suborno em cinco países a fim de consolidar o controlo no mercado das telecomunicações.

Os cinco países envolvidos são a China, Djibouti, Vietname, Indonésia e Kowait.

A empresa sueca de telecomunicações escusou-se a comentar o anúncio do departamento de justiça.

A Ericsson é um dos principais fabricantes mundiais de equipamentos para telecomunicações móveis.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.