EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Protestos na Índia contra lei que exclui Muçulmanos

Protestos na Índia contra lei que exclui Muçulmanos
Direitos de autor 
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O novo Projeto de Emenda à Cidadania, de autoria do primeiro-ministro Narendra Modi, é considerado pela oposição como "discriminatória" e "inconstitucional".

PUBLICIDADE

A Câmara Alta do Parlamento da Índia aprovou, esta quinta-feira, uma lei que garante a nacionalidade indiana a pessoas de minorias religiosas de outros países. A lei está a ser contestada pois exclui a religião muçulmana.

O novo Projeto de Emenda à Cidadania, de autoria do primeiro-ministro Narendra Modi, é considerado pela oposição como "discriminatória" e "inconstitucional".

Os protestos saíram às ruas, desde segunda-feira, altura em que o projeto de lei foi aprovado na Câmara Baixa do Parlamento.

Os manifestantes, em especial no estado de Assam, no nordeste da Índia, incendiaram pneus e cortaram estradas e árvores.

Grupos islâmicos e de defensores dos Direitos Humanos acusam o primeiro-ministro de ter uma agenda nacionalista hindu, que tem como objetivo marginalizar os milhões de muçulmanos que vivem na Índia.

Para evitar a escalada de violência, foi imposto o recolher obrigatório em algumas localidades do estado de Assam.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Dalai Lama recebe delegação de congressistas norte-americanos na Índia

Modi reivindica vitória nas eleições gerais da Índia

Primeiro-ministro Modi perto da vitória nas eleições da Índia