Última hora
This content is not available in your region

A Wikipedia está de volta à Turquia

A Wikipedia está de volta à Turquia
Direitos de autor
Eric Risberg - ASSOCIATED PRESS
Tamanho do texto Aa Aa

A Wikipedia está de volta à Turquia. O Tribunal Constitucional decidiu que a proibição no acesso à enciclopédia digital é inconstitucional.

Adiantando que o bloqueio violava os direitos relativos à liberdade de expressão e ordenou que fosse levantado.

O fundador da Wikipedia, Jimmy Wales, celebrou a decisão através do twitter e deu as boas vindas ao país.

"Parte de nossa petição ao tribunal constitucional turco foi sobre o processo que levou à proibição. Não recebemos uma explicação muito clara sobre o material que inspirou o governo a implementar essa proibição há dois anos, por isso esperamos conseguir mais informações sobre o que levou à proibição. Mas, por enquanto, é importante que o tribunal consititucional tenha afirmado o direito à liberdade de expressão. Isso é importante para a Wikipedia e importante para todos os cidadãos on-line, independentemente do que disseram.
Stephen La Porte
Diretor jurídico @wikimedia

O governo turco bloqueou o site em 2017 devido a artigos que sugeriam que a Turquia teria colaborado com militantes jihadistas na Síria.

A proibição de sites com conteúdos críticos ao governo é uma prática frequente no país.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.