Última hora
This content is not available in your region

Segundo avião com europeus de Wuhan aterra em França

euronews_icons_loading
Segundo avião com europeus de Wuhan aterra em França
Direitos de autor
-
Tamanho do texto Aa Aa

O avião que transportou 250 cidadãos europeus, entre eles 17 portugueses, retirados de Wuhan aterrou deste domingo na base militar de Istres, no sul de Marselha.

Este é o segundo avião que transporta cidadãos europeus entre a região mais afetada pelo coronavírus e França . O primeiro aterrou na sexta-feira com 180 pessoas a bordo.

Segundo as primeiras informações, nenhum dos passageiros apresentou sintomas de infeção durante a viagem. Alguns dos passageiros serão examinadas numa estância balnear perto de Marselha, onde já se encontram 179 pessoas em observação.

Os portugueses a bordo foram transportados pela Força Aérea nacional para Portugal.

À chegada do avião, Adrien Taquet, Secretário de Estado da Protecção Infantil de França, garantiu que não há motivos para alarme.

euronews

"Estamos obviamente a acompanhar de muito perto a situação sanitária de cada uma destas pessoas e tudo está organizado para confirmar que não há infeções. Neste caso, não há necessidade de preocupação".

O último balanço sobre o coronavírus indica 304 mortos e mais de 14 mil infetados.

Entretanto, a Organização Mundial da Saúde (OMS) revelou que as Filipinas registaram a primeira morte fora da China A vítima é um homem chinês natural da cidade de Wuhan.

Situação de Emergência de Saúde Pública

Além do território continental da China e das regiões de Macau e Hong Kong, há casos de infeção confirmados em 24 outros países.

A OMS declarou na quinta-feira a Situação de Emergência de Saúde Pública de âmbito internacional por causa do surto do coronavírus.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.