Russos nas ruas para homenagear Boris Nemtsov

Russos nas ruas para homenagear Boris Nemtsov
Direitos de autor Euronews
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Opositores a Putin assinalam o quinto aniversário do assassínio. Apesar das condenações, há muito por esclarecer.

PUBLICIDADE

Em homenagem a Boris Nemtsov, o opositor de Vladimir Putin assassinado há cinco anos, milhares de pessoas marcharam pelas ruas de Moscovo, este sábado. Em várias outras cidades russas, como São Petersburgo, Novosibirsk e Vladivostok houve também manifestações de apoio a Nemtsov.

Assassinado a tiro numa ponte junto à Praça Vermelha a 27 de fevereiro de 2015, Nemtsov foi vice-primeiro-ministro no final dos anos 90 e tornou-se depois num dos principais opositores de Putin.

Diz um manifestante, "ele era a nossa esperança, a esperança do povo para as mudanças no país, para a luta contra os burocratas que roubam o povo". Outro manifestante mostra-se contra a reforma constitucional de Vladimir Putin e diz que é preciso lutar e não aceitar esta reforma.

Nemtsov era um dos mais carismáticos opositores da atual política do Kremilin.

Pelo assassínio, um oficial das forças de segurança do líder da Chechénia foi preso e condenado a 20 anos de prisão. Quatro outras pessoas foram também condenadas pelo envolvimento, mas permanecem mistérios a rodear o crime, nomeadamente sobre de onde partiram as ordens.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Rússia detém homem do Quirguistão suspeito de estar envolvido no último ataque a Moscovo

Ataque de Moscovo: número de mortos sobe para 139; detidos mais três suspeitos

Suspeitos do ataque de Moscovo acusados e apresentados à imprensa com sinais de violência