Última hora
This content is not available in your region

Beijo em perigo?

euronews_icons_loading
Beijo em perigo?
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

O beijo está no centro das demonstrações de afeto um pouco por tudo o mundo, em especial nos países no sul da Europa.

Uns são mais icónicos do que outros, mas todos servem para demonstrar afetos, entre namorados ou amigos.

Exemplo disso, o cumprimento entre o presidente francês, Emmanuel Macron, e o primeiro-ministro italiano Giuseppe Conte, durante uma cimeira em Nápoles, na semana passada.

No entanto, este tipo de cumprimento poderá ter de ser suprimido para evitar a propagação do novo coroanavírus.

As autoridades italianas sugeriram que a natureza demonstrativa de afetos dos italianos poderia estar contribuir para que o Covid-19 se espalhe no país, no entanto, beijar ainda não é proibido.

"Continuamos a saudar-nos normalmente, também porque é um vírus que tem um número de mortes de 2%". A gripe tem um número maior de mortes, então não vamos brincar com isso", conta um italiano.

A Itália conta com cerca de 1700 casos confirmados, do novo coronavírus, e 34 mortos.