Última hora
This content is not available in your region

Covid-19: Espanha com plano económico de 200 mil milhões

euronews_icons_loading
Covid-19: Espanha com plano económico de 200 mil milhões
Direitos de autor  Manu Fernandez/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

Espanha anunciou, esta terça-feira, um plano económico no valor de 200 mil milhões de euros, o equivalente a um quinto do Produto Interno Bruto do país num ano. O objetivo é combater a crise económica devido à pandemia do novo coronavírus.

O pacote de medidas, anunciado pelo presidente do Governo espanhol, Pedro Sánchez, inclui 600 milhões de euros para empréstimos, garantias de crédito e subsídios para trabalhadores e cidadãos vulneráveis.

Algumas famílias poderão adiar o pagamento dos empréstimos de habitação e os trabalhadores despedidos terão direito a subsídio de desemprego, incluindo aqueles que não tenham descontado e, também, os trabalhadores independentes.

Depois da reunião do Conselho de Ministros, Pedro Sánchez assegurou que "as empresas solventes precisam de liquidez e será garantida durante esta crise para que o emprego e a atividade económica se mantenham. Por isso, foi aprovada a criação de uma linha de crédito, de garantias públicas no valor de até cem mil milhões de euros".

O Governo espanhol alterou, ainda, a lei sobre o investimento estrangeiro de modo a impedir que empresas de fora da União Europeia possam comprar ações de empresas espanholas de setores considerados estratégicos, aproveitando a sua queda na bolsa.

A Euronews deixou de estar acessível no Internet Explorer. Este navegador já não é suportado pela Microsoft, e os mais recentes recursos técnicos do nosso site não podem mais funcionar corretamente. Aconselhamos a utilização de outro navegador, como o Edge, o Google Chrome ou o Mozilla Firefox.