Última hora
This content is not available in your region

Quarentena de 14 dias para quem viaja para o Reino Unido

euronews_icons_loading
Quarentena de 14 dias para quem viaja para o Reino Unido
Direitos de autor  Ian Langsdon, Pool via AP
Tamanho do texto Aa Aa

A partir de 8 de junho, quem viaja para o Reino Unido terá de cumprir um período de quarentena de 14 dias. A medida recebeu críticas da parte dos aeroportos e companhias aéreas, mas o governo britânico diz que as fronteiras do país não estão fechadas e que a ideia é impedir uma segunda vaga de COVID-19.

Agora que o pico do vírus foi ultrapassado, é preciso tomar medidas de proteção contra casos importados, que podem desencadear um novo surto desta doença mortal. E, à medida que a taxa de transmissão no Reino Unido diminui e o número de viajantes que chega ao país começa a aumentar - os casos importados podem representar uma ameaça cada vez maior.
Priti Patel
Secretária de Estado do Interior

Em Portugal, a posição é diferente e o país dá as boas vindas aos turistas. Os aeroportos de Lisboa e Porto começam a ter mais movimento, mas contam-se ainda mais funcionários e agentes de segurança do que passageiros. Usar máscara é regra, assim como o distanciamento social.

O bom tempo em França levou as pessoas até às praias. As autoridades lembram que não é permitido tomar banhos de sol durante a primeira fase do levantamento das medidas restritivas. É apenas permitido apenas andar, correr ou desenvolver atividades em movimento.

Madrid e Barcelona, foram das cidades mais atingidas pelo coronavírus e vão entrar na Fase 1 do desconfinamento a partir de segunda-feira. O resto de Espanha já deu início ao levantamento de algumas restrições a 11 de maio. As esplanadas de bares e restaurante vão poder abrir portas, mas o uso de máscaras é obrigatório. O uso de máscara é obrigatório em edifícios e espaços públicos, mesmo que muitas pessoas não cumpram as regras.