Última hora
This content is not available in your region

SpaceX tem primeira missão tripulada

euronews_icons_loading
 © copyright 2020 Associated Press
© copyright 2020 Associated Press   -   Direitos de autor  NASA/Bill Ingalls
Tamanho do texto Aa Aa

Doug Hurley e Bob Behnken, dois veteranos da NASA, estão prestes a escrever uma página importante na história da aeronáutica, esta noite, se tudo correr como previsto, com o lançamento da primeira missão espacial tripulada feita por um operador privado.

Esta viagem até à Estação Espacial Internacional é feita com um foguetão e uma cápsula da SpaceX, a empresa de Elon Musk, mas trata-se de uma missão conjunta com a Agência Espacial Norte-americana.

Para o administrador da NASA Jim Bridenstine, este é um momento histórico: "Estamos, mais uma vez, a lançar astronautas americanos em foguetões americanos, de solo americano. É um grande momento para nós, há nove anos que não tínhamos esta oportunidade", diz.

Bob Cabana, diretor do Centro Espacial Kennedy, esclarece: "É um lançamento da SpaceX, que está presente graças à parceria com o centro espacial e é o diretor da SpaceX quem vai dar o OK final".

A NASA deixou de ter meios de lançamento próprios desde que o último vaivém espacial passou a peça de museu em 2011. A SpaceX, empresa de Elon Musk, dono da Tesla, faz desde 2012 missões não-tripuladas à ISS. O foguetão deve demorar apenas nove minutos até chegar à órbita da Terra. Seguem-se as manobras de aproximação e acoplagem à estação. Ainda não é certo quanto tempo Hurley e Behnken vão passar a bordo da ISS.