Última hora
This content is not available in your region

Autoridades alemãs presumem morte de Madeleine McCann

euronews_icons_loading
Autoridades alemãs presumem morte de Madeleine McCann
Direitos de autor  Martin Meissner/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

As autoridades alemãs presumem a morte de Madeleine McCann, a menina britânica desaparecida em Portugal, em 2007.

Um alemão de 43 anos está a ser investigado por suspeita de assassinato. O suspeito, que foi identificado nos meios de comunicação alemães como Christian B, está a cumprir uma pena prisão.

Em relação ao desaparecimento da menina britânica de 3 anos, Madeleine Beth McCann, a 3 de maio de 2007 num complexo de apartamentos na Praia da Luz, em Portugal, o promotor público de Braunschweig está a investigar um cidadão alemão de 43 anos por suspeita de assassinato. Posto isto, assumimos que a menina está morta.
Hans Christian Wolters
Porta-voz do gabinete do procurador público de Braunschweig

Acredita-se que ele tenha estado na zona em que Madeleine foi vista pela última vez, quando estava de férias com a família, em Portugal.

Surgiram numerosos suspeitos no caso anteriormente, mas o porta-voz da família Clarence Mitchell disse que desta vez parece ser diferente.

Este é um dos propósitos do apelo, tentar perceber o propósito da utilização da carrinha. Sabemos que vivia dentro do veículo. E, certamente, na semana anterior, viveu lá para que se poder movimentar pela zona usando aquela carrinha como base, provavelmente.
Mark Cranwell
Inspetor chefe

A família McCann pretende a descoberta da verdade para encerrar o caso, numa altura em que existe um novo suspeito identificado e que as autoridades alemãs dizem acreditar que a menina estará morta. Madeleine McCann tinha 3 anos na altura do desaparecimento.