EventsEventosPodcasts
Loader
Find Us
PUBLICIDADE

Facebook reforça medidas de combate ao discurso de ódio

Facebook reforça medidas de combate ao discurso de ódio
Direitos de autor Jeff Chiu/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Jeff Chiu/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
De  euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Mark Zuckerberg cede à pressão e promete lutar contra o discurso racista e as notícias falsas nas suas plataformas

PUBLICIDADE

O Facebook cedeu à pressão e irá colocar um travão às mensagens de cariz racista e violento nas suas plataformas. O gigante das redes sociais estava sob fogo cerrado pela atitude demasiado branda com o discurso de ódio e várias empresas retiraram mesmo os anúncios da plataforma.

O diretor-executivo, Mark Zuckerberg, reagiu e disse que iriam "adotar uma nova política para proibir discurso de ódio nos anúncios" e também "começar a assinalar conteúdos com interesse noticioso que possam violar as políticas da empresa".

An update from our company town hall.

An update from our company town hall.

Publiée par Mark Zuckerberg sur Vendredi 26 juin 2020

O Facebook segue assim os passos do Twitter, que já coloca um rótulo de verificação nas notícias falsas. A medida gerou polémica quando o rótulo começou a ser colocado em várias publicações partilhadas pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Fundadores de redes sociais sob escrutínio

Gigantes da tecnologia discutem Inteligência Artificial

Bruxelas quer saber o que a Meta e o TikTok estão a fazer para mitigar conteúdos falsos violentos