Última hora
This content is not available in your region

Museu do Louvre reabriu esta segunda-feira

euronews_icons_loading
Museu do Louvre reabriu esta segunda-feira
Direitos de autor  FRANCOIS GUILLOT/AFP or licensors
Tamanho do texto Aa Aa

Mais de três meses depois regressaram as filas para entrar no Louvre. O museu mais visitado do planeta reabriu esta segunda-feira e os efeitos da pandemia ainda se fazem sentir. A afluência é naturalmente menor e as distâncias são para respeitar.

O uso de máscara é obrigatório a partir dos doze anos e é necessário respeitar um circuito estabelecido para a visita. Trinta por cento das salas continuam fechadas ao público mas o ex-libris do museu está naturalmente disponível e continua a sorrir para os visitantes.

Para Jean-Luc Martinez, diretor do museu "é uma ocasião para visitar o Louvre de uma forma diferente, com menos pessoas" uma vez que normalmente recebem "mais de 30 mil visitantes por dia, até 40 mil no verão" e agora foi imposto um limite de 7500 pessoas.

Antes da pandemia, três quartos dos visitantes do museu vinham do estrangeiro. O Louvre pisca agora o olho aos parisienses pela oportunidade de visitar o principal museu da sua cidade sem a confusão do costume.