EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Europa em alerta com aumento de novos casos de Covid-19

Europa em alerta com aumento de novos casos de Covid-19
Direitos de autor AFP
Direitos de autor AFP
De  Ana Ruivo
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

França, Espanha e Alemanha entre os países que registam os números mais elevados desde o fim do confinamento

PUBLICIDADE

A Europa teme o início de uma segunda vaga da pandemia com o aumento de surtos no continente. Em França, foi registado um aumento de 54% no número de novos casos desde a semana passada.

Etienne Champion, chefe da Autoridade Regional de Saúde da Alta França, sublinha um aumento preocupante de infeções em jovens. “O número de casos em jovens, muito jovens ou até aos 40-45 anos, é superior à média. Assim, podemos ver que esta epidemia que é particularmente grave para os idosos está a alastrar entre os jovens, provavelmente porque os jovens respeitam menos os gestos de barreira," afirma.

Em várias cidades francesas, como Lille ou Biarritz, já é obrigatório usar máscaras em espaços públicos ao ar livre. E para evitar ajuntamentos noturnos, será proibido o acesso a várias praias da costa atlântica à noite.

Em Espanha, na região de Madrid, o uso de máscara já é obrigatório. Para os infratores, a multa pode chegar aos 100 euros. As novas regras são uma tentativa de travar a propagação do vírus. Espanha registou mais de mil novos casos em 24 horas, durante vários dias seguidos.

Por causa deste aumento de casos, o governo de Berlim acrescentou três regiões do norte de Espanha à lista de destinos de alto risco.

A Alemanha também registou esta semana um aumento de surto de casos de Covid-19 e o Instituto Nacional de Saúde Pública receia uma inversão da tendência decrescente dos últimos meses.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Impacto da pandemia só comparável ao da Guerra Civil

México é o terceiro país do mundo com mais mortes ligadas à Covid-19

Francês detido no Irão por participar em protestos após a morte de Mahsa Amini foi libertado