Última hora
This content is not available in your region

Alexei Navalny foi envenenado?

euronews_icons_loading
Alexei Navalny foi envenenado?
Direitos de autor  euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Enquanto Alexei Navalny permanece nos cuidados intensivos de um hospital de Omsk, na Sibéria, especula-se sobre o seu alegado envenenamento.

Por agora, os médicos dizem não ter encontrado qualquer prova de toxicidade nas análises feitas ao líder da oposição russa, mas Konstantin Jankauskas, associado de Alexey Navalny, garantiu à Euronews o contrário.

"O problema é que o médico, o chefe do hospital, não é apenas um médico, mas um político, membro do partido do Sr. Putin Rússia Unida. E nós pensamos que se trata mais de política do que da saúde do Alexei. Ele é mantido como prisioneiro durante vários dias a fim de esconder o tipo de veneno com que foi envenenado, para que o veneno saia do sangue e a investigação não encontre nada".

Da parte do Kremlin, enquanto não houver confirmação, tudo continua a ser especulações como adianta o porta-voz do Presidente russo Vladimir Putin. Para Dmitry Peskov "as suspeitas continuam a ser apenas suspeitas de que se tratou de um envenenamento. Isto tem de ser confirmado em laboratório, temos de esperar pelos resultados dos testes".

Mas esta não é a primeira vez que alguém é vítima de um suposto envenenamento russo, como lembra Konstantin Jankauskas.

"O veneno é uma questão de política na Rússia, com alguns políticos da oposição a serem por vezes envenenados. O caso mais famoso, infelizmente, é o do Sr. Litvinenko que morreu após envenenamento. Infelizmente, o veneno faz parte da política de Putin".

Konstantin Jankauskas revelou ainda que o café do aeroporto de Omsk, onde a suspeita de envenenamento ocorreu, fechou imediatamente após Alexei Navalny ter entrado no avião. Os funcionários do aeroporto foram também aconselhados a não falar com a imprensa.