Última hora
This content is not available in your region

Donald Trump aceita nomeação republicana

euronews_icons_loading
Donald Trump aceita nomeação republicana
Direitos de autor  Evan Vucci/Copyright 2020 The Associated Press. All rights reserved
Tamanho do texto Aa Aa

Donald Trump aceitou, formalmente, a nomeação do Partido Republicano para se recandidatar a um segundo mandato na Casa Branca.

O presidente aproveitou o discurso de encerramento da Convenção Republicana para criticar o rival democrata, afirmando que Joe Biden quer destruir a grandeza dos Estados Unidos da América.

Trump referiu que é "com o coração cheio de gratidão e de um otimismo sem limites" que aceita "profundamente esta nomeação para presidente dos Estados Unidos".

O candidato afirmou que "o Partido Republicano, o partido de Abraham Lincoln, avança unido, determinado e está pronto a acolher milhões de democratas, independentes e todos aqueles que acreditam na grandeza da América e no coração justo do povo americano".

O discurso, no relvado sul da Casa Branca, decorreu ao som de gritos e protestos pois, ao mesmo tempo, em frente à sede do Governo norte-americano decorria uma manifestação a exigir a demissão do presidente.

O protesto foi organizado pelo movimento "Black Lives Matter" que acusa Donald Trump de pouco fazer para condenar a violência policial sobre a comunidade negra do país.