Última hora
This content is not available in your region

Mais de 500 operacionais no combate ao fogo de Huelva

euronews_icons_loading
Huelva
Huelva   -   Direitos de autor  EVN
Tamanho do texto Aa Aa

Mais de 500 operacionais, entre bombeiros e militares, estão a combater o incêndio florestal que lavra na região espanhola de Huelva, desde quinta-feira.

O perímetro do incêndio cobre quase 5 mil hectares e 70% do fogo está limitado. Mas as chamas ainda estão fora de controlo, principalmente por causa do vento forte, com rajadas entre os 40 a 50 km/h.

Segundo os dados avançados pelo Serviço de Emergência da Andaluzia, até este sábado, 2.400 pessoas foram obrigadas a deixar as casas . Entre os deslocados, estão 47 utentes de um lar de idosos que tiveram de ser transferidos para outra instituição.

O incêndio também provocou o corte da estrada N-435, que permanece fechada ao trânsito para facilitar o trabalho dos serviços de emergência, bem como da A-478, de Zalamea a El Villar.

Na sexta-feira, o governo andaluz decretou o nível 2 do Plano de Emergência dos Incêndios Florestais, pois era necessário, a pedido da gestão do plano, incorporar recursos extraordinários do Estado.