EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Hungria: Governo propõe reformas controversas da constituição

Hungria: Governo propõe reformas controversas da constituição
Direitos de autor AFP
Direitos de autor AFP
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

O governo húngaro apresentou propostas de reforma constitucional que inscrevem na lei nacional o casamento como a "união entre um homem e uma mulher"

PUBLICIDADE

Com o pacote das medias restritivas do governo, por causa da pandemia, os húngaros receberam novas propostas de alterações da constituição. O governo de Viktor Orban quer inscrever na constituição nacional o casamento como sendo a "união entre um homem e uma mulher" e restringir as regras da adoção.

Sobre o assunto, o primeiro-ministro comentou: "O Parlamento deu-nos os poderes extraordinários e nós fizemos os novos regulamentos. Quanto às restrições devidas à pandemia, explicou que serão aplicadas a partir da meia-noite. "Peço-vos a todos que as respeitem. Tomemos conta uns dos outros, especialmente dos nossos pais, dos nossos avós, dos idosos e dos doentes. Se seguirmos as regras e se nos mantivermos unidos, teremos novamente sucesso juntos", afirmou.

Para os analistas, as reformas, controversas, não surgem agora por acaso. András Bíró, analista político e investigador da Academia de Ciências da Hungria, comenta: "...É oportuno porque não há espaço para os eleitores da oposição ou líderes da oposição agirem nas ruas. É proibido, claro, realizar quaisquer manifestações neste momento, por isso penso que o timing não é surpreendente quando levamos em conta que acabámos de entrar na fase de confinamento".

Foram ainda propostas medidas que tornam mais difícil os partidos políticos apresentarem-se a eleições. Os partidos serão obrigados a apresentar candidatos em pelo menos 50 círculos eleitorais.

Esta é a nona vez que a constituição húngara vai ser alterada, nos últimos nove anos, desde que Viktor Orban chegou ao poder.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Eurodeputado húngaro József Szájer detido numa festa

Hungria preparada para consequências do veto na UE

Televisão pública húngara emite debate político pela primeira vez em 18 anos