Novo mapa da Via Láctea é o mais completo de sempre

Novo mapa da Via Láctea é o mais completo de sempre
Direitos de autor AP
Direitos de autor AP
De  Ricardo Figueira
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Graças ao telescópio GAIA, a ESA conseguiu cartografar mais de 1,8 mil milhões de estrelas.

PUBLICIDADE

Mais de 1,8 mil milhões de estrelas da Via Láctea fazem agora parte do mapa produzido pelo telescópio GAIA, da Agência Espacial Europeia (ESA). Este é o mapa mais completo alguma vez feito da galáxia da qual faz parte o sol. A ESA divulgou agora a primeira parte, um acontecimento aguardado por milhares de cientistas e entusiastas por todo o mundo.

Para Günther Hasinger, diretor científico da ESA, é como fazer uma escavação arqueológica: 

"Estamos a aprender a história da nossa via láctea. Escavamos a história do tempo, tal como os arqueólogos, mas com uma diferença de vários milhares de milhões de anos, antes ainda do Sol existir. Por isso, podemos contar o que aconteceu com a via láctea quando era ainda muito jovem, mas também prever o que vai acontecer no futuro.

O espaço é agora mais comum, está a tornar-se um produto comercial. Cada vez mais países estão interessados em ir para o espaço e o espaço começa a dominar as nossas vidas. Já não conseguimos viver sem satélites", diz.

Escavamos a história do tempo, tal como os arqueólogos, mas com uma diferença de vários milhares de milhões de anos.
Günther Hasinger
Diretor científico da ESA

O telescópio GAIA está a um milhão e meio de quilómetros da Terra, no lado oposto ao do sol, para melhor se proteger da radiação e tem duas lentes capazes de captar todo o espaço em volta, mas estima-se que a secção agora cartografada seja apenas uma ínfima parte da Via Láctea.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

O "monstro" da Via Láctea

Rússia aborta lançamento do foguetão Angara-A5 a minutos da descolagem

Missão da SpaceX concluída com sucesso