Última hora
This content is not available in your region

Irão diz que vai produzir urânio enriquecido acima do limite de pureza permitido

euronews_icons_loading
Irão diz que vai produzir urânio enriquecido acima do limite de pureza permitido
Direitos de autor  أ ف ب
Tamanho do texto Aa Aa

O Irão informou que vai começar a produzir urânio enriquecido até 20 por cento de pureza, um valor muito além do limiar de 3,67%, estabelecido pelo acordo de Viena de 2015.

Na carta, enviada a 31 de dezembro à Agência Internacional de Energia Atómica, é ainda mencionado que a produção terá lugar na instalação subterrânea de Fordow, mas fica por precisar a data para o início deste enriquecimento.

Recentemente o parlamento iraniano aprovou a produção e o armazenamento de "pelo menos 120 quilogramas por ano de urânio enriquecido a 20%" e o fim das inspeções da agência das Nações Unidas, destinadas a verificar que o Irão não está a produzir uma bomba atómica.

A decisão é mais um golpe nas já débeis negociações com o mundo ocidental, num momento em que se equaciona um regresso dos Estados Unidos da América ao acordo nuclear, com a entrada de Joe Biden na Casa Branca.