EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Franceses voltam às ruas contra lei da "Segurança Global"

Franceses voltam às ruas contra lei da "Segurança Global"
Direitos de autor Christophe Ena/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
Direitos de autor Christophe Ena/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

A lei de segurança interna, que está a ser discutida pelo parlamento francês, prevê a proibição e punição da difusão de imagens da ação policial. Documento tem originado vários protestos no país.

PUBLICIDADE

Milhares de franceses fizeram ecoar palavras de protesto em várias cidades do país contra a lei da "Segurança Global". Recusam que se proíba a difusão de imagens da ação policial, uma proposta atualmente a ser discutida no parlamento.

As manifestações contra a lei geral da segurança interna sucedem-se desde novembro. No entanto, o mau tempo e as restrições em vigor por causa da covid-19, acabaram por pesar na comparência do encontro deste sábado.

Imagens da polícia a espancar Michel Zecler, um produtor de música negro e desarmado no próprio estúdio em Paris, a 21 de novembro, alimentaram a contestação à nova lei, defendida pelo presidente Emmanuele Macron.

(O Sindicato Nacional dos Jornalistas (SNJ) esteve na origem do protesto contra a lei de "Segurança Global")

Um dos pontos mais polémicos do novo texto legislativo, o artigo 24.°, prevê punição até um ano de prisão e multa de 45 mil euros euros pela da difusão de imagens de agentes policiais que possam ser identificados, Em causa está a segurança dos agentes, dizem os legisladores, que entretanto vão rever o artigo, após uma onda de protestos.

Este sábado, o final do protesto foi marcado por alguns confrontos entre manifestantes e policia, havendo relatos, ainda por confirmar, de várias detenções.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Protestos em França contra lei da "segurança global"

Travão na lei de segurança interna em França

França recua na Lei da Segurança Global