Última hora
This content is not available in your region

A luta contra o cancro em tempo de pandemia

Access to the comments Comentários
De  Nara Madeira
euronews_icons_loading
Dia Mundial de Luta Contra o Cancro
Dia Mundial de Luta Contra o Cancro   -   Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

Há 21 anos que quatro de fevereiro é o Dia Mundial de Luta Contra o Cancro e hoje os desafios são ainda maiores porque a crise provocada pela Covid-19 tem impactos nos cuidados de saúde que vão muito para além da pandemia.

Um estudo britânico da "Less Survivable Cancers Taskforce" revela que há pessoas que estão a ignorar sintomas temendo ser infetadas nos hospitais pelo novo coronavírus.

"A Covid-19 exacerbou uma situação já de si crítica".
Guts UK
Less Survivable Taskforce

Mas há também toda uma adaptação a ser feita, a vários níveis e para quem tem cancro ou lida com pessoas que têm.

A fundação "Look Good Feel Better" promove workshops de maquilhagem para mulheres com cancro. Hoje, e devido às restrições impostas para travar a propagação do novo coronavírus, tudo é feito de forma virtual.

Laura Hunt é maquilhadora e trabalha com mulheres que se batem contra o cancro. Ela explica que, hoje, tudo é "muito diferente", mas que "há aspetos positivos" nestas trocas online. "Pode ser muito mais intimista fazê-lo virtualmente. Obviamente, que é bom estar numa sala com pessoas e ocuparmo-nos delas, uma a uma. Mas online, é muito mais intimista porque se está apenas com uma pessoa. Quando estávamos a fazer workshops numa sala, havia várias pessoas. Por isso, há vantagens e podemos entrar, virtualmente, nas casas das pessoas sem preocupações, especialmente nesta altura de pandemia", acrescenta esta profissional.

Para além de sessões virtuais há também tutoriais de maquilhagem online para, por exemplo, quem passou por sessões de quimioterapia. O objetivo é que essas mulheres possam sentir-se melhor, mesmo que tenham de permanecer em isolamento.