EventsEventosPodcast
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Dois municípios de Salzburgo "isolados"

Dois municípios de Salzburgo "isolados"
Direitos de autor ORF
Direitos de autor ORF
De  Nara Madeira com EVN
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Para se sair de dois municípios de Salzburgo as pessoas estão obrigadas a apresentar teste negativo à Covid-19 devido ao elevado número de casos.

PUBLICIDADE

Desde a meia-noite de sábado, e devido aos altos níveis de incidência de COVID-19, que para sair de dois municípios de Salzburgo, Radstadt e Bad Hofgastein, é obrigatório um teste negativo ao novo coronavírus. Uma regra que vigorará, pelo menos, até 18 de março.

Uma condutora explicava que não há nada que possam fazer a esse respeito e que esperam que "os números diminuam, em breve". Outra dizia que só vivendo esta situação se pode compreendê-la. Explicava que de cada vez que vem trabalhar é obrigada a fazer o teste e que já fez cinco, "todos negativos".

Apenas os jovens e crianças, com menos de 15 anos, ou pessoas que possam provar ter estado já infetadas com COVID-19, nos últimos seis meses, não são obrigadas a apresentar o teste.

Todas as estradas secundárias estão fechadas enquanto a polícia e efetivos das Forças Armadas federais austríacas verificam se as regras são cumpridas. Procedimentos que requerem tempo e, por isso, estão a causar constrangimentos à circulação rodoviária.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Áustria testa entregas ao domicílio sem precisar de ter alguém em casa

Países europeus dividem-se entre confinamento e alívio de medidas

Portugal pode prolongar confinamento até à Páscoa