EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Rio de Janeiro e São Paulo apertam medidas contra a Covid-19

Praia de Copacabana
Praia de Copacabana Direitos de autor Silvia Izquierdo/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
Direitos de autor Silvia Izquierdo/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
De  Ricardo Figueira
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Recolher obrigatório no Rio, em São Paulo é o comércio que fecha durante 15 dias.

PUBLICIDADE

A praia de Copacabana teve um final de tarde diferente, na sexta-feira, com o comércio obrigado a fechar mais cedo. Face ao número crescente de casos de Covid-19, o município do Rio de Janeiro apertou as medidas restritivas. Todos os bares e restaurantes têm agora de fechar às 17 horas. Frequentar a praia continua a ser permitido, mas com restrições à prática de desportos. Quiosques e vendedores ambulantes estão também proibidos. Tudo num esforço de baixar a frequentação e evitar as aglomerações. 

Outra medida posta agora em prática no Rio de Janeiro, em vigor até ao dia 11, é o recolher obrigatório entre as 23 horas e as cinco da manhã. Também São Paulo entrou este sábado numa fase mais rígida das medidas de contenção da Covid-19, com o comércio e os restaurantes fechados durante 15 dias.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Protestos em São Paulo contra novo projeto de lei sobre o aborto no Brasil

Hajj: peregrinação à cidade santa de Meca pelos muçulmanos

Brasil: foram chamados para salvar crianças, mas acabaram numa operação de "salvamento" de armas