Última hora
This content is not available in your region

Islândia treme de antecipação

Access to the comments Comentários
De  Bruno Sousa
euronews_icons_loading
Islândia treme de antecipação
Direitos de autor  Euronews
Tamanho do texto Aa Aa

O aumento da atividade sísmica colocou a Islândia em estado de alerta. Os dados do instituto de meteorologia local indicam que em pouco mais de duas semanas, a terra tremeu mais de 30 mil vezes na península de Reykjanes, no sudoeste da ilha e teme-se que esteja para breve uma erupção vulcânica.

‪Páll Einarsson, Professor emérito de Geofísica na Universidade da Islândia, sublinha que não há motivo para estar assustado:

"Grandes sequências de tremores de terra não são um fenómeno desconhecido mas é a primeira vez que as temos na região da capital, Reiquiavique. É uma nova experiência para muita gente, sentir os tremores de terra todos os dias."

A situação está a ser monitorizada de perto e os especialistas já avisaram que o eventual regresso ao ativo deste sistema vulcânico, que não se manifesta desde o século XII, não se poderá comparar à erupção de 2010.

A emissão de cinza vulcânica que então se verificou obrigou ao encerramento do espaço aéreo europeu. O sistema vulcânico em questão caracteriza-se pela emissão de jatos de lava relativamente pequenos.

O despertar de vulcões adormecidos não é propriamente uma novidade na Islândia, que em 1973 se viu a braços com a erupção de um vulcão que não se manifestava há cinco mil anos.