Eleições antecipadas na Moldávia

Eleições antecipadas na Moldávia
Direitos de autor /afp
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Dissolução do Parlamento após cancelamento do estado de emergência no país, para travar Covid-19.

PUBLICIDADE

A presidente da Moldávia, Maia Sandu, dissolveu o Parlamento do país e convocou eleições legislativas antecipadas para o dia 11 de julho.

Uma medida tomada depois do Tribunal Constitucional moldavo ter decidido cancelar o atual estado de emergência no país. O Parlamento da Moldávia país tinha adotado uma resolução no final de março, para estabelecer o estado de emergência até 30 de maio, numa tentativa de travar o número de infeções relacionadas com a Covid-19.

A presidente pró-europeia assumiu a presidência em dezembro passado e acusa o parlamento de corrupção.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Partido Ação e Solidariedade vence Legislativas moldavas

Moldova denuncia esforços da Rússia para influenciar referendo sobre UE

Presidenciais eslovacas: vitória de Pellegrini reforça governo eurocético de Robert Fico