This content is not available in your region

Demolida igreja ortodoxa sérvia na Bósnia

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com AFP, AP, EVN
euronews_icons_loading
Demolida igreja ortodoxa sérvia na Bósnia
Direitos de autor  Sladjan Vasic/AP

As autoridades bósnias demoliram uma igreja ortodoxa sérvia construída, ilegalmente, num terreno pertencente a uma mulher bósnia.

Uma ação concretizada depois de uma batalha judicial. que durou 20 anos. e que terminou com o Tribunal Europeu dos Direitos Humanos a decidir a demolição, em outubro de 2019.

Fata Orlovic, que perdeu o marido durante o conflito sérvio-bósnio, mostrava-se satisfeita pela vitória mas, ao mesmo tempo, desgastada. Dizia ter sido hospitalizada 23 vezes mas que no final sobreviveu, venceu e recuperou o seu terreno.

A igreja tinha sido construída pouco depois de Orlovic e a família serem expulsos da aldeia onde viviam, durante a guerra da Bósnia, na qual cerca de 8000 homens e meninos foram assassinados por forças sérvio-bósnias em Srebrenica, em 1995, a pior carnificina deste conflito étnico.

A filha de Fata, Zlatka Basic, acrescentava que ficaram muito felizes quando começou a destruição da igreja, 25 anos depois de ser construída. A mãe está feliz e eles também.

Foi quando regressou a casa que Fata começou a longa batalha, que se tornaria judicial em 2000, para obrigar as autoridades locais a cumprirem o seu desejo de recuperar a sua terra e de ver cair um símbolo de anos de sofrimentos, o seu e o do seu povo.