Última hora
This content is not available in your region

Unesco considera desclassificar Grande Barreira de Coral como Património Mundial

De  euronews
euronews_icons_loading
Unesco considera desclassificar Grande Barreira de Coral como Património Mundial
Direitos de autor  Randy Bergmann/Copyright 2016 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

A Grande Barreira de Coral pode ser vista do espaço, mas está a perder espaço e, agora, está em risco de perder estatuto. A UNESCO apresentou uma relatório inicial que recomenda que o recife seja desclassificado como Património Mundial, devido ao dramático declínio nos corais.

Esta decisão foi tomada, como disse, sem o devido processo. Foi tomada com base numa trabalho preliminar. Nem sequer foram usados os dados mais recentes. Temos dados do Instituto Australiano de Ciências Marinhas a sair que mostram um grande trabalho na recuperação da descoloração que teve lugar.
Sussan Ley
Ministra do ambiente da Austrália

Ativistas ambientais estão contra, mas disseram que a decisão destacou a falta de ação da Austrália, para reduzir as emissões e que a "vergonha" causada pela situação é responsabilidade do governo.

Metade da Grande Barreira de Coral morreu nas últimas décadas, segundo um estudo científico publicado em 2020. Os 2300 Kms de pura beleza marinha ao largo da costa leste da Austrália têm vindo a desaparecer.

Alterações na salinidade e os níveis de poluição também têm relação direta com o branqueamento e morte destes corais que são como florestas tropicais subaquáticas e fundamentais para a vida marinha.

Esta formação tem mais de 400 espécies diferentes, mas metade dos corais perderam os inquilinos marinhos, a cor e a vida, devido ao aumento da temperatura dos oceanos - uma das consequências do aquecimento global.