Última hora
This content is not available in your region

Maior retrospetiva de Paula Rego na Tate Britain de Londres

De  Patricia Tavares
euronews_icons_loading
Retrospetiva de Paula Rego na Tate Britain
Retrospetiva de Paula Rego na Tate Britain   -   Direitos de autor  LUSA
Tamanho do texto Aa Aa

Paula Rego saiu de Portugal, em 1963, como mulher e pintora portuguesa e chegou a Londres, em 1976, como mulher e pintora estrangeira. Ao longo da carreira conseguiu arrombar as portas das galerias da discriminação e assinou esta grande obra com a palavra "vitória".

Desta vez é o museu de arte Tate Britain, em Londres, que abre as portas para receber uma exposição retrospetiva de Paula Rego, com mais de 100 obras da artista. Para o filho, Nick Willing, representa uma vitória “simbólica” sobre a discriminação que sofreu enquanto mulher e estrangeira. O que a levou a pincelar uma série de telas nos anos 90 intitulada “Mulher Cão” - que “revolucionou" a representação da mulher. Também deu pinceladas de críticas violentas a Portugal, particularmente ao regime salazarista, que dominou a história nacional portuguesa durante quarenta anos - crítica eternizada na obra "Salazar Vomiting the Homeland", de 1960.

Esta exposição abrange 60 anos da carreira da artista. Paula Rego na Tate Britain, em Londres, de 07 de julho a 24 de outubro.