Última hora
This content is not available in your region

Protestos contra a burocracia nas fronteiras eslovacas

De  Euronews
euronews_icons_loading
Protestos contra a burocracia nas fronteiras eslovacas
Direitos de autor  EBU
Tamanho do texto Aa Aa

Eslováquia abre fronteiras para pessoas totalmente vacinadas contra a Covid-19. O governo de Bratislava deixa de bloquear a entrada de quem venha de países com taxas de infeção elevadas desde que estejam vacinadas há mais de 14 dias.

Uma medida que não alivia a carga burocrática nas entradas e que tem provocado vários protestos. Nas fronteiras eslovacas, as autoridades exigem o preenchimento de um formulário após a chegada. O registo não se aplica a quem faça prova da vacina, tenha menos de 18 anos ou viaje por razões médicas, mas que mesmo assim têm de aguardar o controlo das autoridades na fronteira.

Cerca de 500 funcionários da Administração Financeira e agentes do Corpo de Guardas Prisionais foram chamados a reforçar o atendimento nos postos fronteiriços, mas a passagem de e para Áustria, República Checa, Polónia e Hungria continua demorada. Bratislava espera poder reabrir em breve mais 33 postos de controlo e criar uma espécie de via verde para vacinados.