This content is not available in your region

Dia de ouro para Itália

Access to the comments Comentários
De  Ricardo Figueira
Antonella Palmisano, vencedora dos 20 km marcha,
Antonella Palmisano, vencedora dos 20 km marcha,   -   Direitos de autor  Eugene Hoshiko/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved

Nos Jogos Olímpicos de Tóquio, esta sexta-feira foi um dia em cheio para Itália, que conseguiu três medalhas de ouro num só dia, o que não acontecia desde 1960, quando o país organizou os jogos em Roma.

O quarteto italiano liderado pelo campeão olímpico Lamont Marcell Jacobs venceu a estafeta 4x100mmasculina, à frente do Reino Unido e do Canadá. Na mesma disciplina, mas em femininos, foi a Jamaica a vencer. Uma medalha de ouro previsível, depois de o país ter ocupado todos os três lugares do pódio na prova individual. As jamaicanas venceram à frente do Reino Unido e dos Estados Unidos.

O dia de ouro italiano continuou com a vitória de Antonella Palmisano nos 20 quilómetros marcha. A colombiana Sandra Arenas foi a segunda classificada e a chinesa Liu Hong, campeã olímpica no Rio de Janeiro, foi medalha de bronze. A portuguesa Ana Cabecinha dececionou, ao ter o pior resultado da carreira, com um vigésimo lugar.

A terceira medalha de ouro que a Itália conseguiu neste dia foi no karaté. Luigi Busa venceu a final da disciplina de karaté kumité, em menos de 75 quilos, face a Rafael Aghayev, do Azerbaijão.