Última hora
This content is not available in your region

Ataque aéreo dos EUA mata alvos importantes do ISIS

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
General norte-americano Hank Taylor
General norte-americano Hank Taylor   -   Direitos de autor  Susan Walsh/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
Tamanho do texto Aa Aa

O presidente dos Estados Unidos prometeu "caçar e fazer pagar" os autores do atentado terrorista de quinta-feira, em Cabul. A retaliação não tardou.

"As forças militares dos Estados Unidos conduziram uma operação de contraterrorismo contra um organizador e facilitador do ISIS-K. O ataque aéreo ocorreu na província de Nangarhar, no Afeganistão. Posso confirmar, com a chegada de mais informações, que dois alvos importantes do ISIS foram mortos e um ficou ferido", afirmou o general norte-americano Hank Taylor.

O ataque foi realizado com um drone. Apesar da ameaça que paira sobre o aeroporto de Cabul, os Estados Unidos retiraram 6800 pessoas nas últimas 24 horas.

"As ameaças ainda são muito reais, muito dinâmicas e estamos a monitorizá-las literalmente em tempo real. Estamos a tomar todas as medidas necessárias para nos certificarmos de que continuamos focados naquele fluxo de ameaças e a fazer o que podemos para proteger a força", disse John Kirby, porta-voz do Departamento de Defesa dos EUA.