Última hora
This content is not available in your region

Dinamarca antecipa fim de restrições contra a Covid-19

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Dinamarca antecipa fim de restrições contra a Covid-19
Direitos de autor  Philip Davali/MTI/MTVA
Tamanho do texto Aa Aa

A Dinamarca vai levantar as últimas restrições impostas no país para combater a pandemia da Covid-19 já no dia 10 de setembro. De acordo com o Governo, isto acontece três semanas antes do previsto, uma vez que cerca de 75% da população já tem uma dose da vacina e mais de 70% tem já a vacinação completa.

No entanto, o país ainda não saiu da pandemia e é necessária alguma cautela.

O professor de Saúde ambiental da Universidade de Copenhaga, Flemming Konradsen, afirma que é preciso continuar a "monitorizar a propagação da infeção e manter um controlo muito detalhado sobre as variantes em circulação e ter, também, os centros de ensaio prontos, como parte do planeamento futuro. Temos de manter uma estratégia de comunicação sobre medidas gerais de higiene, e precisamos de avançar para aumentar a cobertura da imunização. Não podemos permanecer nos atuais 75-76% da população que tem 1 ou 2 doses de imunização completas. Precisamos de avançar para perto dos 90%. Já iniciámos o programa de reforço da imunização de indivíduos vulneráveis".

Em comunicado, o ministro dinamarquês da saúde, Magnus Heunicke, afirmou que apesar da pandemia, no país, estar sob controlo, o Governo não "hesitará" em agir de forma rápida caso o novo coronavírus "ameace funções importantes da sociedade".