Futuro da Alemanha nas mãos de ambientalistas e liberais

Futuro da Alemanha nas mãos de ambientalistas e liberais
Direitos de autor Tobias Schwarz/AFP und AP Photo/Matthias Schrader
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Partido Democrático Liberal e 'Os Verdes' essenciais para viabilizarem Governo

PUBLICIDADE

A Alemanha está em suspenso.

Começaram as conversações entre os vários partidos para se encontrar uma coligação governamental.

O Partido Democrático Liberal (FDP) e "Os Verdes" sabem que são a principal opção e que serão alvos das propostas tanto dos Sociais-Democratas (SPD), de Olaf Scholz, como dos Democratas Cristãos (CDU/CSU), de Armin Laschet.

Tendo isso em mente, a líder dos ambientalistas, Annalena Baerbock, e o líder dos liberais, Christian Lindner, escreveram que estão a explorar terreno comum...

O secretário-geral do FDP, Volker Wissing, anuncia que "Os Verdes e os Liberais vão encontrar-se na próxima sexta-feira. As primeiras questões substantivas deverão ser discutidas com maior profundidade. Os partidos da União (CDU/CSU) convidaram os Liberais para uma conversa. Os Liberais aceitaram esse convite hoje. A nossa ideia é a de realizar as conversações no próximo sábado. (...) Como já anunciado publicamente, os sociais-democratas também convidaram para conversações. Naturalmente, também aceitamos esse convite. Concordámos em reunir-nos no próximo domingo para uma troca bilateral".

Os Verdes realizam uma pequena conferência partidária no sábado para acordar novas medidas para a formação de um Governo.

A líder dos ambientalistas não fecha portas. Annalena Baerbock garantiu que irão falar com todos os partidos.

No domingo, os líderes d'"Os Verdes" vão reunir-se com os líderes do Partido Social-Democrata, mas para que a chamada coligação semáforo: vermelho-amarelo-verde funcione, é necessário que ambientalistas e liberais se entendam.

"O facto d''Os Verdes' e o FDP se terem reunido na terça-feira... Interpreto que estes dois partidos têm de reduzir a desconfiança, que surgiu há quatro anos entre eles, quando não conseguiram formar um Governo", afirma o líder da bancada parlamentar do SPD, Rolf Mützenich.

Os sociais-democratas estão confiantes e acreditam que a Alemanha irá formar um Governo antes do Natal. Em que moldes, é ainda uma incógnita. Uma coisa é certa, dessa coligação farão parte tanto "Os Verdes" como o Partido Democrático Liberal. Resta saber se ao leme estará Olaf Scholz, do SPD, ou Armin Laschet, da CDU.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Ativistas pelo ambiente mancham de tinta um quadro de Claude Monet

Partido da coligação de governo perde um lugar no parlamento alemão

Partido da extrema-direita inicia contactos para coligações governamentais nos Países Baixos