Última hora
This content is not available in your region

Manny Pacquiao despede-se do boxe e agora quer ser Presidente

Access to the comments Comentários
De  Bruno Sousa
euronews_icons_loading
Manny Pacquiao
Manny Pacquiao   -   Direitos de autor  ASSOCIATED PRESS
Tamanho do texto Aa Aa

Manny Pacquiao colocou um ponto final na carreira de pugilista. O filipino de 42 anos é considerado um dos melhores pugilistas de sempre e foi campeão do mundo em oito categorias de peso diferentes, um recorde que dificilmente será batido. Floyd Mayweather, com cinco, é quem mais se aproxima.

Apesar do sucesso no boxe, nunca se deixou limitar pelas cordas do ringue. Jogou basquetebol, foi ator, gravou álbuns e desde 2010 que tem carreira ativa na política. Milionário e fenómeno de popularidade nas Filipinas, quer agora ser Presidente do país e será candidato nas eleições de 2022.

Pacquiao descreveu a decisão de deixar o boxe como a mais difícil da sua vida. Preveem-se decisões ainda mais difíceis caso consiga vencer o seu próximo desafio.