Última hora
This content is not available in your region

Milhares protestam em França pelo aumento do salário mínimo

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Milhares protestam em França pelo aumento do salário mínimo
Direitos de autor  أ ف ب
Tamanho do texto Aa Aa

Milhares de pessoas manifestaram-se em toda a França por melhores salários. A Confederação Geral do Trabalho, que convocou os protestos, defende um aumento de 20% do ordenado mínimo.

“Não vamos esperar até o dia seguinte às eleições presidenciais para aumentar os salários”, disse o líder da CGT, Philippe Martinez. “Há um problema salarial neste país”, insistiu.

“Exigimos um salário mínimo de 1.700 euros líquidos e um aumento das pensões para que não haja reforma abaixo do salário mínimo”, resumiu o co-delegado do sindicato dos Solidaires, Simon Duteil.

De acordo com a força sindica, foram 160 mil as pessoas que saíram à rua em 200 manifestações por todo o país. Já o governo aponta para 86 mil manifestantes em todo o território nacional.