Lego oferece mais três dias de férias aos colaboradores

Lego oferece mais três dias de férias aos colaboradores
Direitos de autor Ted Shaffrey/Copyright 2021 The Associated Press. All rights reserved.
De  euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Mais de 20 mil trabalhadores da Lego podem gozar mais três dias de férias. O maior fabricante de brinquedos do mundo regista recorde de vendas no primeiro semestre de 2021.

PUBLICIDADE

A empresa dinamarquesa Lego vai oferecer mais três dias de férias e um bónus único a cada um dos seus colaboradores que são mais de 20 mil.

De acordo com o comunicado da empresa, "a família proprietária que agradecer a todos os colegas com três dias extra de folga no final de 2021".

O anúncio do maior fabricante mundial de brinquedos surge após um novo recorde de vendas dos famosos blocos de plástico, num ano marcado por sucessivos confinamentos em todo o mundo, devido à pandemia da Covid-19.

A empresa familiar registou um lucro líquido de mais de 6,3 mil milhões de coroas dinamarquesas, o equivalente a 847 milhões de euros, no primeiro semestre de 2021 - um aumento de 140% em relação ao mesmo período em 2020. As receitas subiram 46% para 23 mil milhões de coroas, ou o equivalente a um pouco mais de três milhões de euros, no mesmo período.

A Lego foi fundada em 1932 por Kirk Kristiansen, cuja família ainda controla o grupo. O nome Lego resulta da contração da expressão dinamarquesa para "jogar bem" (Leg godt). Com um total de lojas de retalho Lego, em 30 de junho, de 737 (291 localizadas na China) a empresa emprega cerca de 20.400 pessoas em mais de 40 países.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Soluções para os principais desafios dos mercados de trabalho globais debatidas em Riade

Dos negócios familiares, às grandes empresas do Qatar que apostam na produção nacional

Extração industrial de areia leva centenas de franceses para as ruas