This content is not available in your region

Tufão Rai faz mais de 100 mortos nas Filipinas

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Tufão Rai faz mais de 100 mortos nas Filipinas
Direitos de autor  Jay Labra/The Associated Press.

Pelo menos 110 pessoas morreram nas Filipinas devido à passagem do tufão Rai, o mais forte a atingir o país este ano.

De acordo com o último balanço feito pelas autoridades, dezenas de pessoas estão dadas como desaparecidas ou ficaram feridas.

Estima-se que o número de vítimas aumente, nas próximas horas.

O tufão Rai deixou atrás de si um rasto de destruição. Milhares de lares ficaram sem eletricidade e muitas províncias, em especial no centro do país, ficaram isoladas uma vez que as comunicações foram cortadas.

O tufão, com ventos sustentados de 195 quilómetros por hora e rajadas de ventos que atingiram os 279 quilómetros por hora, atingiu o centro e o sul das Filipinas na quinta e na sexta-feira. Cerca de 800 mil pessoas foram afetadas e mais de 300 mil viram-se obrigadas a fugir das suas casas.

O presidente Rodrigo Duterte visitou, este sábado, parte da região afetada e prometeu dois mil milhões de pesos filipinos (o equivalente a 350 milhões de euros) em novas ajudas.