This content is not available in your region

Corrida diplomática pela Ucrânia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Líderes mundiais convergem para falar urgentemente com Putin
Líderes mundiais convergem para falar urgentemente com Putin   -   Direitos de autor  WANG ZHAO/AFP

Antes que aconteça o que muitos receiam na Ucrânia, na corrida diplomática jogam-se os trunfos. Emmanuel Macron encontra-se com Vladimir Putin, em Moscovo, esta segunda-feira, com a prioridade declarada de falar sobre a questão ucraniana.

Vamos falar sobre as medidas políticas a tomar numa altura em que se vive uma crise muito grave. Temos de abordar claramente aquilo que está em questão e que é evitar que haja uma guerra na Europa.
Olaf Scholz
Chanceler alemão

O presidente francês antecedeu a visita de várias afirmações expressando "uma preocupação muito significativa" de que o atual contexto degenere mesmo numa invasão russa.

Já o chanceler alemão, Olaf Scholz, viajou no sentido oposto, para Washington, onde vai reunir-se com o presidente americano, Joe Biden.

"Não vou lá só para tomar um café, seguramente. Vamos falar sobre as medidas políticas a tomar numa altura em que se vive uma crise muito grave. Temos de abordar claramente aquilo que está em questão e que é evitar que haja uma guerra na Europa. É um assunto muito sério. Sinto que devo fazê-lo por respeito aos cidadãos do meu país, pelos quais também sou responsável no que toca à manutenção da paz europeia e com os nossos aliados", declarou o chanceler.

Scholz, que até agora se manteve discreto em relação a este assunto, segue para Kiev e Moscovo nos dias 14 e 15, para falar face a face com as partes diretamente envolvidas.