This content is not available in your region

Sistema alimentar mundial em risco de colapso

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Sistema alimentar mundial em risco de colapso
Direitos de autor  MTI

As Nações Unidas alertam para o risco de colapso do sistema alimentar mundial devido à guerra entre a Rússia e a Ucrânia.

Os dois países representam mais de metade da produção de óleo de girassol e cerca de 30% do trigo do mundo.

A guerra e as sanções contra Moscovo estão a colocar em risco as culturas alimentando assim a especulação nos mercados.

O preço dos cereais, que já estava elevado devido aos impactos da pandemia da Covid-19, subiu para níveis históricos e isso começa já a sentir-se no bolso dos consumidores e nas doações feitas à Organização para a Alimentação e Agricultura das Nações Unidas.

O secretário-geral da ONU defende que é preciso colocar fim à guerra. António Guterres sublinha que "os preços dos alimentos, combustíveis e fertilizantes estão a subir rapidamente. As cadeias de abastecimento estão a ser perturbadas. E os custos e atrasos no transporte de mercadorias importadas, quando disponíveis, estão a níveis recorde. Tudo isto está a atingir os mais pobres e a plantar as sementes para a instabilidade política e agitação em todo o mundo".

As Nações Unidas calculam que, pelo menos 50 países dependem em 30% ou mais da Rússia ou da Ucrânia para o fornecimento de trigo. A escassez e o elevado preço dos cereais começam já a sentir-se por exemplo no Sudão onde centenas de pessoas protestaram contra a subida de cerca de 40% do preço do pão.