This content is not available in your region

"Os clientes russos desapareceram". As sanções da guerra na Ucrânia já se sentem em Marbella

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Restaurante russo em Marbella convida clientes a uma visita
Restaurante russo em Marbella convida clientes a uma visita   -   Direitos de autor  JORGE GUERRERO/AFP or licensors

Sol, calor e mar têm feito de Marbella um destino turístico apetecível para o mercado russo, uma comunidade habituada a investir, mas que, por causa das sanções, estão a votar a cidade espanhola a dias de austeridade.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Estatística espanhol, no ano passado viviam em Espanha mais 95 mil russos.

Agora os efeitos da guerra na Ucrânia já se sentem entre os negócios locais

Manuel Spinosa é proprietário de uma joalharia e conta que "os clientes russos desapareceram. Já não estou à espera deles. E as vendas que já tinha fechadas com clientes russos foram canceladas".

Com o acesso às contas vedado, muitos questionam-se sobre como continuar a viver na União Europeia.

A estudar em Marbella, também Daria Stepanova vê, aos 21 anos, o futuro comprometido. 

"É muito difícil porque estou a terminar o último ano da universidade. Já paguei a primeira parte. Agora com o sistema SWIFT bloqueado não posso pagar mais", lamenta.

A sanções ocidentais estão a afetar quase 80% do setor da banca e o impacto sente-se um pouco por todo o lado, pois conforme explica o advogado Ricardo Bocanegra, os russos "não podem usar os cartões de crédito russos. Para além disso, não podem transferir dinheiro para Espanha e o rublo colapsou".

Além de ter sido banida do sistema SWIFT, a Rússia vi também muitas companhias aéreas e multinacionais cessarem atividade no país. Fora da Rússia é cada vez mais evidente que a política de alienação está também a afetar muitos habitantes russos no Ocidente..

Outras fontes • TV2