Biden diz que artigo 5.º da NATO é "dever sagrado"

Biden diz que artigo 5.º da NATO é "dever sagrado"
Direitos de autor Evan Vucci/The Associated Press
Direitos de autor Evan Vucci/The Associated Press
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Presidente dos Estados Unidos encontrou-se este sábado com o presidente polaco

PUBLICIDADE

No segundo dia na Polónia, Joe Biden encontrou-se com o presidente Andrzej Duda. Durante o encontro, no Palácio Presidencial em Varsóvia, sublinhou a importância de reforçar o flanco oriental da NATO e garantiu que Washington está comprometido com o artigo da Aliança Atlântica que estabelece que “um ataque a um país membro é um ataque a todos”. Para Joe Biden, “o Artigo 5º é como um compromisso sagrado que envolve todos os membros da NATO”.

Na capital polaca, Joe Biden encontrou-se também com os ministros dos Negócios Estrangeiros e da Defesa ucranianos. Segundo informações avançadas pela Casa Branca, o encontro serviu para discutir as ações em curso para responsabilizar o presidente Putin pela agressão da Rússia, em coordenação com os aliados e parceiros, e tendo em conta as novas sanções anunciadas esta semana em Bruxelas

Por seu lado, o ministro dos Negócios Estrangeiros da Ucrânia disse que também chegaram a um acordo sobre com que países trabalhar para que não se tornem lugares utilizados pela Rússia para contornar as sanções. Dmytro Kuleba destacou a importância de acabar com esta possibilidade para Moscovo. Defendeu que a Rússia “está presa numa caldeira de sanções que irá aquecer durante os próximos dias e meses".

Questionado pelos jornalistas sobre a situação e o sofrimento dos refugiados ucranianos, Biden respondeu que Putin "é um carniceiro". O presidente dos Estados Unidos já recebeu a resposta de Moscovo. Segundo a agência de notícias russa TASS, o porta-voz do Kremlin, Dmitry Peskov, disse que o líder de um estado deve permanecer sóbrio e que “insultos pessoais estreitam a janela de oportunidade para as relações bilaterais com o atual governo norte-americano”.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Biden estreia-se em Jantar dos Correspondentes e felicita trabalho na Ucrânia

Joe Biden tenta virar Xi Jinping contra Vladimir Putin em conversa de duas horas

Polónia detém suspeito de ajudar a planear homicídio de Zelenskyy