This content is not available in your region

Governo de Portugal toma posse com aviso do Presidente ao primeiro-ministro

Access to the comments Comentários
De  euronews
euronews_icons_loading
Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa na cerimónia de tomada de posse do governo
Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa na cerimónia de tomada de posse do governo   -   Direitos de autor  Armando Franca/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved

O Governoportuguês tomou posse nesta quarta-feira, numa cerimónia no Palácio da Ajuda, em Lisboa. António Costa lidera um Governo com maioria absoluta e com esta maioria absoluta tem uma responsabilidade absoluta.

Uma responsabilidade que o Presidente da República de Portugal, Marcelo Rebelo de Sousa, quis relembrar na cerimónia.

Em jeito de "aviso" quis dizer ao primeiro-ministro que o mandato é para cumprir até ao fim, não colocando a possibilidade de uma saída a meio da legislatura para um cargo europeu em 2022 - e que seria difícil substituir Costa por outra pessoa.

António Costa promete “modernização com solidariedade social”.

Entre os objetivos do primeiro-ministro está a mudança do modelo de salários baixos que existe em Portugal, assegurar o crescimento e o desenvolvimento do país.

"O programa do Governo é conhecido. É o programa eleitoral que apresentámos aos portugueses, e que já amanhã [quinta-feira] aprovaremos formalmente em Conselho de Ministros, para que na próxima semana o possamos discutir no local próprio, a Assembleia da República", afirmou o primeiro-ministro.

Para este mandato, o terceiro desde 2015 e com o segundo cortado a meio, o líder do Partido Socialista conta com várias caras novas para os ministérios.

Dos 17 cargos ministeriais, 9 são preenchidos por mulheres, destacando-se Mariana Viera da Silva, agora a número dois do executivo, com responsabilidades na gestão do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) e na Função Pública.