This content is not available in your region

Seca nos EUA poderá expor passado obscuro da máfia

Access to the comments Comentários
De  Euronews
euronews_icons_loading
Geoff Schumacher,  vice-presidente do Mob Museum.
Geoff Schumacher, vice-presidente do Mob Museum.   -   Direitos de autor  AFP

Em Las Vegas, nos Estados Unidos da América, a seca trouxe à tona aquilo que se acredita ser o passado obscuro da máfia.

O corpo de um homem, que foi baleado na cabeça, e colocado dentro de um barril há cerca de 40 anos foi encontrado no lago Mead. Localizado perto de Las Vegas, o lago é o maior reservatório de água dos EUA, mas tem vindo a ser, nos últimos meses, severamente afetado pela seca, o que levou a uma diminuição considerável da quantidade de água disponível e, como tal, trouxe à tona os segredos escondidos nas profundezas.

Geoff Schumacher, vice-presidente do Mob Museum, o museu da Máfia de Las Vegas, acredita que pode tratar-se de uma vítima da máfia. Os investigadores corroboram esta tese, no entanto, a polícia ainda está a investigar o caso.