EventsEventosPodcasts
Loader
Encontra-nos
PUBLICIDADE

Presidente do Sri Lanka demite-se por e-mail

Manifestantes ocuparam edifícios públicos no Sri Lanka
Manifestantes ocuparam edifícios públicos no Sri Lanka Direitos de autor ARUN SANKAR/AFP or licensors
Direitos de autor ARUN SANKAR/AFP or licensors
De  Euronews
Publicado a Últimas notícias
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Manifestantes abandonam edifícios públicos no Sri Lank, após demissão por e-mail do presidente que fugiu do país.

PUBLICIDADE

O presidente do Sri Lanka apresentou a demissão, esta quinta-feira, por email. O chefe de Estado, que fugiu do país no meio de tumultos populares, fê-lo pouco depois aterrar em Singapura. "A autenticidade e a legalidade do e-mail terá de ser verificada", diziam fontes oficiais locais. 

O anúncio levou os manifestantes a abandonarem o palácio presidencial que ocupavam há vários dias. O país permanece em regime de recolher obrigatório, pelo menos até sexta-feira até porque a contestação parece estar longe do fim. A nomeação do primeiro-ministro para uma presidência interina não agradou a muita gente que o responsabiliza também pela situação catastrófica que o país vive.

A população, que no sábado tinha já invadido o palácio presidencial para exigir a renúncia do presidente Gotabaya Rajapaksa, espera poder ver o Parlamento eleger um novo chefe de Estado na próxima semana, a 20 de julho. 

No entanto, o presidente fugiu sem se demitir, após nomear o primeiro-ministro, Ranil Wickremesinghe, para uma presidência interina.

Rajapaksa seguia para a Arábia Saudita, via Singapura. A primeira paragem foi nas Maldivas. Mas pensasse que o destino final será os Emirados Árabes Unidos.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Presidente do Sri Lanka confirma demissão

Procissão no Sri Lanka homenageia relíquia dos Dentes Sagrados de Buda

Manifestantes no Quénia entram em confronto com a polícia de choque