EventsEventosPodcasts
Loader

Find Us

PUBLICIDADE

Batalhão Azov é uma "organização terrorista"

Supremo Tribunal da Rússia
Supremo Tribunal da Rússia Direitos de autor AP Photo
Direitos de autor AP Photo
De  Euronews
Publicado a
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Decisão foi anunciada pelo Supremo Tribunal russo

PUBLICIDADE

O Supremo Tribunal da Rússia declarou esta terça-feira o Regimento Azov como uma organização terrorista. A decisão, que entra em vigor "de imediato", agrava as penas para os combatentes que estiveram cercados durante vários meses na Fábrica Azovstal, em Mariupol.

Dezenas de militares Azov estão detidos e são alvo de processos criminais.  Moscovo acusa-os de matar civis.

Os oficiais ucranianos continuam a investigar o ataque da semana passada a uma prisão na região separatista de Donetsk que matou dezenas de prisioneiros de guerra ucranianos.

Moscovo e Kiev trocaram acusações sobre a autoria do ataque

As autoridades separatistas e os funcionários russos dizem que a explosão de sexta-feira matou 53 prisioneiros de guerra ucranianos e deixou 75 feridos. Entretanto, a Rússia abriu um inquérito sobre o ataque e enviou para o local a principal agência de investigação criminal do país.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Kiev rejeita "enforcamento" de militares azov

Rússia diz ter encontrado 152 corpos de soldados ucranianos na Azovstal

Moscovo não pensa trocar soldados da Azovstal por outros prisioneiros