Esquiar nas montanhas africanas do Lesoto

Turista sul-africana em Kapoko Afriski
Turista sul-africana em Kapoko Afriski Direitos de autor AP Photo/Jerome Delay
De  Euronews
Partilhe esta notíciaComentários
Partilhe esta notíciaClose Button
Copiar/colar o link embed do vídeo:Copy to clipboardCopied

Enquanto a Europa sufoca com calor, há quem esteja a esquiar em África, nas montanhas do Lesoto. Kapoko Afriski é uma estância cada vez mais procurada

PUBLICIDADE

Enquanto milhões de pessoas em toda a Europa têm dificuldade em respirar num verão que bate recordes de temperatura, há gente a esquiar em África.

É em Kapoko Afriski, nas montanhas Maluti do Lesoto, a única estância de esqui no continente africano, a sul do equador.

 Meka Lebohang Ejindu, instrutor de snowboard não esconde o entusiasmo: "Nasci originalmente em Londres, mas passei os últimos 12 anos a ensinar esqui e snowboard na Áustria. E esta é a primeira época em que esquio no Hemisfério Sul, na África do Sul. Mas a minha família é daqui. Por isso, é um pouco nostálgico que eu tenha esquiado em solo do Lesoto, pois a minha família é daqui. Por isso, é um prazer".

Mas nem todos são profissionais. A maioria precisa de aulas de esqui para evitar acidentes e poder aproveitar a neve que, muitos, veem aqui pela primeira vez.

Esta estância é procurada por gente vinda de toda a África, mas sobretudo da vizinha África do Sul, como Kafi Mojapelo, que diz que tem andado a ver anúncios no Youtube e pensou que queria mesmo experimentar isto. "Nunca tinha visto neve e isto é mesmo uma grande experiência", afirma.

Kapoko Afriski é o único parque de neve livre no continente e os concorrentes fizeram fila no mês passado para a competição anual de snowboard e esqui de Winter Whip Slopestyle.

Partilhe esta notíciaComentários

Notícias relacionadas

Inverno invulgarmente quente deixa parte da Áustria sem neve

"Existem provas credíveis de atos de genocídio em Gaza"

Israel ataca processo movido pela África do Sul como "hipocrisia"