This content is not available in your region

Zelenskyy avisa que Putin pode fazer algo "repugnante" no 24 de agosto

Access to the comments Comentários
De  Euronews  com Lusa, AP
euronews_icons_loading
AP
AP   -   Direitos de autor  Andrew Kravchenko/Copyright 2022 The Associated Press. All rights reserved

O presidente ucraniano avisa que Rússia pode usar Dia da independência da Ucrânia para mais um ataque.  

A Ucrânia prepara-se para comemorar o Dia da Independência a 24 de agosto. Na mesma data, assinalam-se seis meses desde o início da guerra.

Em contraste com os desfiles militares do costume, este ano, a Ucrânia, vai desfilar com equipamentos militares russos destruídos.

Volodymyr Zelenskyy diz que Putin vai aproveitar a data para o pior. O presidente ucraniano acredita que a Rússia "pode tentar fazer algo particularmente repugnante e violento" na próxima semana.

Ataque com drone na Crimeia

Mas não houve um dia calmo desde fevereiro. A Ucrânia está a tentar recuperar o que perdeu, nos últimos anos. A sede da frota russa do Mar Negro em Sevastapol, na Crimeia, foi atacada por um drone (aeronave não tripulada), mas sem provocar vítimas ou danos graves, anunciou o governador da cidade.

“O drone foi abatido mesmo por cima da sede da frota, caiu no telhado e pegou fogo”, descreveu Mikhail Razvojaev na rede social Telegram, citado pela agência francesa AFP.

Razvojaev atribuiu o ataque às forças ucranianas, que ainda não reagiram à acusação. Trata-se do segundo ataque do género contra a sede da frota do Mar Negro em Sevastopol em menos de um mês.

Em 31 de julho, um ataque idêntico provocou cinco feridos e levou ao cancelamento das cerimónias do Dia da Frota Russa, celebrado nesse dia.