Lyman e Kharkiv a braços com a destruição deixada pela ocupação russa

Access to the comments Comentários
De  Euronews
Lyman, Ucrânia
Lyman, Ucrânia   -   Direitos de autor  Justin Spike/Copyright 2022 The AP. All rights reserved.

Os moradores de Lyman, cidade que foi recuperada há poucos dias pelas tropas ucranianas, fazem fila para comer e para receber ajuda médica. Depois da ocupação russa, há zonas da cidade que não têm eletricidade, gás ou água.

Segundo a porta-voz da administração regional de Donetsk, Tetyana Ignatchenko, o primeiro problema é que praticamente todos os territórios recuperados estão completamente destruídos, tanto casas como infraestrutura. Mas as pessoas precisam, antes de tudo, de apoio psicológico.

Poucos dos edifícios desta cidade na região de Donetsk - uma área ilegalmente anexada por Moscovo na semana passada - sobreviveram sem danos.

Uma moradora em Lyman, Tetyana, conta que quando a sua casa foi atingida, estava em casa com a filha e caíu na casa de banho. A filha estava no corredor à entrada da casa. Não sabe como não morreram.

Em Kharkiv, na zona também reconquistada pelas tropas de Volodymyr Zelenskyy, os moradores também dependem de ajuda humanitária para sobreviver.

Com uma bandeira ucraniana nas mãos, Oleksander Konovalov, morador na cidade, diz que a guardou porque esperava o regresso das tropas ucranianas. Para que os libertassem da opressão da invasiva russa.